Pesquisar este blog

Carregando...

CAMPINARTE TOCA FRANCISCO ALVES

DESTAQUE DA SEMANA DO SHOW DO COMÉRCIO

DESTAQUE DA SEMANA DO SHOW DO COMÉRCIO

O que há de melhor pelas comunidades

26 agosto 2016

Nacional Informa: Vacina contra esquistossomose deve chegar ao SUS em 3 anos | Radioagência Nacional


PF indicia Lula e Marisa Letícia em | inquérito sobre tríplex no Guarujá | Radioagência Nacional


Concessionária de trens no Rio terá que fazer obras de acessibilidade nas estações | Radioagência Nacional


O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro condenou a Supervia, concessionária que opera os trens do município, a fazer obras de acessibilidade nas estações de trem de Austin e do centro de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. 
O recurso foi movido pelo pai de um passageiro com deficiência física e mental contra uma decisão anterior que isentava a empresa de concluir as mudanças para acesso às estações ferroviárias. 
A concessionária Supervia também foi condenada a pagar, por danos morais, a quantia de R$ 20 mil a cada um dos autores, acrescido dos juros e correção monetária. 
O prazo de cumprimento da ordem é de 90 dias e se a obra não for concluída neste prazo a concessionária fica sujeita a multa diária de 2 mil reais. 
Em nota, a Supervia diz que vai recorrer da decisão e que não pode fazer as adaptações nesse prazo, pois precisa seguir as determinações do contrato de concessão, mas prevê intervenções futuras nas estações citadas. 
Segundo relatório da desembargadora Regina Lucia Passos os autores da ação têm dificuldade de locomoção e o uso das estações é limitado pela falta de rampas ou elevadores. 
De acordo com o documento, a ação representa um desejo de melhora também para o acesso coletivo às instalações, e a empresa deve responder pelas falhas na concessão que lhe foi dada para a exploração do serviço de transporte. 
Uma lei federal garante às pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida o direito de ter acesso a espaços de uso público. Ela obriga agentes públicos ou privados a fazerem obras de acessibilidade como rampas, elevadores e outras adaptações a locais como parques, ruas, jardins, praças, terminais de ônibus e trens.

Justiça do Rio condena Cesar Maia por improbidade administrativa | Radioagência Nacional

A Justiça do Rio condenou o ex-prefeito e atual vereador do Rio, Cesar Maia, por improbidade administrativa. A ação foi movida pelo Ministério Público do Rio e o julgamento aconteceu na última quinta-feira. 
A defesa do político, que é candidato à reeleição, já afirmou que vai recorrer junto ao Superior Tribunal de Justiça. 
O processo, segundo o Ministério Público, denuncia a contratação de um escritório de advocacia chefiado por um cunhado do ex-prefeito. Além do parentesco, o contrato teria sido firmado sem licitação e com verba pública. 
De acordo com a decisão, Maia pode perder os direitos políticos por cinco anos e a função de vereador. Ele também terá que pagar multa de quase R$ 35 mil. 
Por nota, a defesa de Cesar Maia afirma que a decisão não resulta na perda imediata do mandato de vereador, uma vez  que essas condenações só produzem efeitos depois da sentença transitada em julgado. 
Ainda de acordo com a defesa do vereador, há jurisprudência no Superior Tribunal de Justiça pela dispensa de licitação para a contratação de escritórios de advocacia por políticos.

25 agosto 2016

Homens e negros são maioria dos casos de mortes por arma de fogo no país | Radioagência Nacional


Quase 1 milhão de pessoas morreram por disparos de armas de fogo no país, entre 1980 e 2014. Cerca de 85% dessas mortes foram homicídios.
Os dados estão no Mapa da Violência do Brasil que mostra ainda que os homens e negros, entre 15 e 29 anos, estão no topo da lista das vítimas.


Só em 2014, segundo o estudo, as armas de fogo mataram quatro vezes mais que a Aids. O Mapa da Violência mostra que esse cenário poderia ser bem pior se não fosse a política de desarmamento adotada no país desde 2003.


O pesquisador responsável pelo estudo, Julio Jacobo, acredita que de lá pra cá muitas mortes foram evitadas, mas ainda faltam políticas públicas para erradicar a violência.


Em 2014, São Luís (MA), figurou entre as seis capitais com maior índice de mortes por arma de fogo. Enquanto a taxa nacional foi de 21 vítimas a cada 100 mil habitantes, nessas capitais a taxa foi de 30 assassinatos a cada 100 mil. Julio Jacobo relaciona esses números a fatores sociais.


O Brasil ocupa a 10ª posição entre as 100 nações com maiores taxas de homicídios por arma de fogo, listadas no Mapa da Violência. Com o pior resultado está Honduras, que apresenta uma taxa de 66 mortes a cada 100 mil habitantes.


Ouça grátis as 100 maiores músicas do Jazz

Ouça grátis as 100 maiores músicas do Jazz
Clique na imagem

22 de Novembro é dia de Santa Cecília...

Padroeira dos músicos, por isso hoje também é comemorado o dia do músico. O músico pode ser arranjador, intérprete, regente e compositor. Há quem diga que os músicos devem ter talento nato para isso, mas existem cursos superiores na área e pessoas que estudam música a vida toda.
O músico pode trabalhar com música popular ou erudita, em atividades culturais e recreativas, em pesquisa e desenvolvimento, na edição, impressão e reprodução de gravações. A grande maioria dos profissionais trabalha por contra própria, mas existem os que trabalham no ensino e os que são vinculados a corpos musicais estaduais ou municipais.
A santa dos músicos
Santa Cecília viveu em Roma, no século III, e participava diariamente da missa celebrada pelo papa Urbano, nas catacumbas da via Ápia. Ela decidiu viver casta, mas seu pai obrigou-a a casar com Valeriano. Ela contou ao seu marido sua condição de virgem consagrada a Deus e conseguiu convence-lo. Segundo a tradição, Cecília teria cantado para ele a beleza da castidade e ele acabou decidindo respeitar o voto da esposa. Além disso, Valeriano converteu-se ao catolicismo.

Mito grego
Na época dos gregos, dizia-se que depois da morte dos Titãs, filhos de Urano, os deuses do Olimpo pediram que Zeus criasse divindades capazes de cantar as vitórias dos deuses do Olimpo. Então, Zeus se deitou com Mnemosina, a deusa da memória, durante nove noites consecutivas. Nasceram dessas noites as nove Musas. Dessas nove, a musa da música era Euterpe, que fazia parte do cortejo de Apolo, deus da Música.
Fonte: UFGNet

Seguidores